Familias festejam 12 anos de paz no sertão

04/05/2012 08:09

 

      Em 1992 chega a Belém de São Francisco o recém ordenador (na época) Padre Roberto Luciano, que aos poucos foi conhecendo o território em que se encontrava. Neste período desencadeou-se uma grande guerra entre as famílias Benvindos, Gonçalves e Russos, onde vimos o terror da morte espalhado por todo o município. O padre ficou neste tempo assombrado por tamanha ignorância, dor, mortes, lamentos, etc. Foi quando inspirado pela palavra do Senhor, convocou a comunidade, as autoridades e os lideres de ambas as famílias a reunirem-se com o objetivo de tratar em lutar pela paz entre os clãs que assolavam todo o município.

       Nesse contexto de tantas mortes, estradas interrompidas, feiras invadidas por batalhões de homens armados, famílias indo embora do município, jornais publicando ao país a guerra de uma cidade, numa entrevista a ISTO É, o padre Roberto Luciano diz objetivamente que “dá a sua vida” em prol da paz para que cesse a morte entre os clãs. Nesse mesmo objetivo o padre faz juntamente com a comunidade procissões com o santíssimo sacramento pelas ruas de Belém, orando, clamando o poder de Deus sobre os corações endurecidos.

       Passados esses anos de violência as famílias tomaram como posse a vida, que é Dom de Deus e que ninguém tem direito de tirá-las. 12 anos depois os clãs celebraram no dia 29/04/2012 às 9h, de fronte a matriz do Menino Deus, a missa em ação de graças pelos 12 anos de Paz, com a presença do Administrador Diocesano Dom Adriano, Pe. João Deoclecio e Pe. Felix (atuais administradores paroquiais), o Pe. Roberto Luciano e autoridades políticas, na presença da comunidade e das famílias supracitadas.

 

       O representante da família Russo, Barnard Russo, e o vereador Joselito Nogueira referiram-se ao Pe. Roberto dizendo que, colocariam as suas vidas em prol da continuidade da paz entre os clãs, para que as crianças, jovens, idosos e a cidade arrasada pela guerra possam melhorar a qualidade de vida.

 

www.avozdavitoria.com/noticias/familias-festejam-12-anos-de-paz-no-sertao/